Instagrão

  • se juntas j causa imagina juntas
  • boy magia num pr de sol magia
  • sem querer crer na maravilhosidade dessa vista
  • Um raro momento do menino cabelo bem comportadinho em seuhellip
  • emaranhado de um dia bonito
  • coisas bonitas aquecem o corao
  • Quando c faz uma pizza de frigideira com massa fithellip
  • t trampando mas o grande amor da minha vida hellip
Da rotina

O que rolou enquanto eu não estava aqui

16 de agosto de 2017

Foto por: Irena Kiełb

Daí que faz um tempinho que eu não escrevo aqui. Nem eu sei bem o porquê, mas tem sido cada vez mais difícil vir aqui desabafar, com o passar dos anos. Apesar do meu amor à escrita, da minha paixão por compartilhar coisas, eu simplesmente não tenho sentido vontade/disposição. Talvez seja a loucura da vida adulta que segue me atropelando, talvez seja minha eterna falta de foco, mas querem saber? Não vim aqui para pedir desculpas. É isso que tem pra hoje e tudo bem. Ninguém vive nem morre pelos meus posts, então não tem nenhum problema se passa-se mais ou menos tempo sem eles. Faz um tempo que decidi que meus hobbies são para mim e que a gente não tá aqui pagando a conta da hospedagem todo mês para distribuir satisfações nem se sentir obrigado a fazer alguma coisa, né? Se rolar, ótimo. Se não rolar, segue o baile.

Entretanto, contra todas as chances, hoje acordei resolvida a dar um jeitinho nesse canto meu nessa internet de Deus. Então é, temos um tema novo ainda sob ajustes. E temos, também, um novo post para alegrar esse novo cantinho, tal qual flores numa casa recém limpa. E, como faz um tempo que a gente não se fala, resolvi que esse escrito vai ser para atualizar vocês das tantas da minha vida.

  • Agora eu sou loira. É isso mesmo que você ouviram. E o mais chocante de tudo é que tô fazendo tudo em casa, com exceção das duas primeiras luzes que abri. Estou adorando o processo, embora o cabelo esteja bem mais complexo de lidar. Agora, de fato, os fios têm necessidades diferentes do que eles tinham quando havia 0  químicas no meu cabelo e eu ainda estou descobrindo essas necessidades. Mas está sendo uma caminhada divertida e, em breve, quero dividir isso com vocês. (:
  • Comecei a estudar desenho/pintar aquarela. Eu sempre gostei de desenhar e na época em que estava estudando pro vestibular fiquei bem balançada, com vontade de escolher design ou algo que me proporcionasse produzir coisas belas. Mas terminei optando por jornalismo e esse lado meu permaneceu mais ou menos adormecido, com algumas manifestações durante o passar dos anos (eu era uma das melhores alunas em qualquer cadeira gráfica e um dos meus estágios eu consegui justamente por curtir mexer com a parte gráfica da coisa). Daí que esse ano resolvi mudar e fazer tudo o que eu queria fazer – começando por voltar a me jogar nesse mar revolto das artes. Estou adorando, porém confesso que pra mim é difícil toda a situação de ~não saber~ alguma coisa. Quero instalar um chip e já acordar sabendo, que nem em Matrix, será que é possível? Bem que podia ser.
  • Estou tentando me organizar financeiramente. Contei pra vocês que mercúrio tá retrógrado em virgem, né? Então tô bem focada em organizar umas coisas na vida e as finanças é um ponto bem bagunçado no momento. Não aguento mais gastar mais do que ganho e viver no vermelho. Quero muito esse poder que advém de ter segurança financeira, a alegria de saber que se tudo der errado, tem dinheiro na poupança. Não sei o que é isso, mas quem sabe não vou descobrir? Já estou consumindo uns conteúdos (vídeos e livros), mas quem quiser indicar mais coisinhas, a caixinha de comentários tá aí pra isso, beesha.
  • Li uns livrinhos. Li até que uma quantidade ok de livrinhos nesse período de morte aqui no brogue – desde que ninguém me compare com aquelas pessoas admiráveis que leem 100 livros por ano. Uma grande alegria foi a volta da ficção pra minha vida – passei um bom tempo presa na não-ficção e nem sabia se ainda era capaz de apreciar uma história de mentirinha. Com a graça do bom Deus, sim, é possível e tamo aí na atividade – ah, se quiser saber o que eu tenho lido é só me adicionar lá no goodreads, viu? Vamos trocar figurinhas literárias ♥
  • Cansei da chuva. Achei que não era possível alguém criado em Recife cansar da chuva e do frio – uma vez que estamos sempre passando calor aqui – mas parece que é. Aqui choveu muito e por um tempo considerável (uns 3 meses, creio eu). Tanto que eu comecei a apresentar sintomas europeus com a volta do sol: uma alegria indescritível com o céu azul, vontade de deitar num parque para tomar aquele solzinho, aquela necessidade de viver todas as situações summer-like logo, agora, pra já. Realmente, as chuvas e o frio foram um pouquinho too much esse ano (e 21º em Recife é frio, sim!).
  • Conheci umas amigas da blogosfera. Tive a alegria e o prazer de conhecer D. Vic, do Borboletando, e D. Kat, do Outro Blog, em momentos diversos (mas todos envolviam comida, pois taurina). Foi maravilhoso FINALMENTE conhecer essas pessoas que são alvo de tanto carinho há algum tempo (no caso da Vic, desde as épocas régias dos gifs piscantes nos blogs) e das quais eu já me sentia tão próxima, apesar de nunca termos botado os olhos umas nas outras antes do ocorrido. A internet tem lugar pra muito amor, sim, e ainda faltam tantos amigos para conhecer – mas finalmente dei um passo nessa direção. Então, você, amigo que vem a Recife: vamos marcar um café! Não se acanhe, não.
  • Descobri blogs/vlogs novos. Tão bom descobrir coisas novas, né? Estou absolutamente apaixonada pelos seguintes blogs/vlogs (hoje em dia quase todo mundo é os dois, né?): The Find Guru (minha inspiração para curvas loiras agora e sempre, amém); clothesencounters (adoro as dicas de cuidados com a pele e maquiagem); Joyce Kitamura (a oriental mais hilária desse Brasil – se você nunca viu um vídeo dela testando uma base, por favor, veja); Me Poupe (canal voltado para educação financeira – a moça responsável por ele, a Nath, é muito engraçada e ajuda a deixar o assunto bem mais leve); e Chriselle Lim (uma coreana que mora em LA, tem uma filhinha muito fofa e dá dicas de cuidados com a pele, maquiagem e estilo). A maioria foi gringo, inclusive tô querendo umas indicações de blogs da terrinha para acompanhar, cês tem algum pra indicar?
  • Me apaixonei por novos filmes (e reassisti outros). Uma das grandes felicidades da vida é curtir um bom filme, deitada no sofá, agarrada com um pacote de salgadinho (gosto da Lays de Cebola, tá?). Uns dos vistos e amados nesse período (os com o coraçãozinho do lado são all-time-favorites reassistidos):  The Secret Life of Bees; Anastasia ♥; The Innocents; Mona Lisa Smile ♥; Wild; The Circle; The Girl With The Dragon Tattoo ♥; No Reservations ♥; Sleepless in Seattle e Pride & Prejudice ♥.

É isso, gente, não apareci por aqui mas tava viva sim, muito obrigada. Pitacos, sugestões e ideias vão ali naquela caixinha top de comentários. Beijos no coração e #pas.

 

 

 

  • Reply
    Nicas
    19 de agosto de 2017 at 17:18

    Saudades! <3
    Vir pro blog e embalar nos posts realmente não é fácil (eu tô me arrastando nesse BEDA, pedindo água e gritando pro juizão terminar a partida), mas quando a gente vem é tão bom, né? As pessoas que a gente conhece, esse apoio que vem em poucas palavras. <3 Quero ir tomar um café co você em Recife!

    Mercúrio retrógrado me mata de medo, mas tô aqui lutando, tentando focar nas organizações. Todo mundo me recomenda esse canal Me Poupe, mas eu sou do time que gosta de gente falando de um jeito mais sério e sem gritar. 🙁

  • Reply
    Camila Faria
    21 de agosto de 2017 at 19:34

    Oi Amanda, quando eu visitar Recife vou te pertubar para a gente tomar um café juntas hein? Hahaha! Morro de vontade de conhecer a sua terrinha, quem sabe não consigo realizar esse desejo em breve?

    Também estou super cansada da chuva. A galera aqui do Rio ama esse tempinho mais frio ~ coisa rara por aqui ~ mas eu sou do verão mesmo, não tem jeito. #voltaverão

Leave a Reply